Tudo o que ela queria é que aquela mentira passageira fosse uma verdade duradoura e que a ausência do que não existia se tornasse uma realidade presente e constante em sua vida. Mas como assim não era, decidiu seguir em frente deixando muita coisa pra trás, sem sofrimento e sem arrependimento; pois como ela mesma dizia, um final é sempre sinônimo de um novo começo, e um novo começo é sempre uma nova oportunidade para ser feliz.

Quem é ela? Eu!

sábado, 30 de agosto de 2014

EU POSSO SOFRER DE AMOR? EU QUERO!

Eu posso sofrer de amor? Eu quero! ...e eu pedi seu número usando uma desculpa convincente e de uma forma bem discreta. Mas depois eu me arrependi, porque eu não queria que ele pensasse que eu estava dando em cima dele. Eu queria que ele tivesse certeza." Deveria ter sido mais direta, então! Na hora de anotar esqueci o nome do boy fardado e disse: Me fala de novo seu nome porque eu não lembro. Ele sorriu pra mim com aquele jeito sedutor como uma reprovação ao meu esquecimento. Eu olhei nos olhos dele e disse: vai dizer que vc lembra o meu?! Ele: Na hora que vc entrou eu lembrei mas agora esqueci. Eu: Tudo bem! Afinal, eu sumi! Mas me diga o seu. E ele disse e em seguida completou: mande um mensagem dizendo o seu! (Ganhei o bofe) kkkkkkkkkkkkkkkkk Mas e aí, como anda a vida dele? Será se continua solteiro, ou será se está enrolado? Por que não respondeu minha mensagem? Será se ele tem dúvida de que eu estava dando em cima dele e não quer arriscar ou será se tem certeza e quer dar uma de difícil? Quer vingança porque da outra vez ele me deu seu cartão e eu nunca liguei e ainda perdi!? Alguém explica pra ele que eu tenho um sério problema de memória e que estou pedindo perdão! Ele era pra ter um jeito durão, mas tem uma seriedade tranquila, um jeito apaixonante. Me apaixonei!!! Meu novo amor platônico. Decidi que vou viver agora um amor platônico. Eu quero sofrer um pouco de amor! Espero que ele não me responda por enquanto, pra eu ficar nessa aflição. E quando eu for lá resolver meus assuntos bancários, espero que ele não tenha tempo pra ficar de bate-papo comigo, pra eu ficar doidinha de raiva e de vontade de conversar com ele. Mas só não perdoo se não pegar minha senha, pra quando eu chegar eu ser a primeira da fila.

Nenhum comentário:

Postar um comentário